quarta-feira, 12 de outubro de 2016

As canções taurinas dos musicais



  Touro

Signo de terra, regido por Vênus, que confere sensibilidade e profundidade às emoções, e disposições amáveis. Gosta de coisas naturais, prazer, estabilidade e comodidade. Usam do tempo para reflexionar e gostam de se sentir atraídos por alguém. É o signo do pecado da gula.




"Suppertime"
You're A Good Man, Charlie Brown
(Gesner)


"Traga o prato de sopa
Traga o copo
Traga o bacon e pode encher
Porque é a hora
a hora, hora, hora do jantar"
Nos anos 60, Peanuts, as tirinhas de Charles M. Schulz, já eram extremamente populares, e encorajaram o compositor Clark Gesner a escrever canções sobre as personagens da turma do Charlie Brown. Logo as canções de Gesner se tornaram o musical You’re a Good Man, Charlie Brown, sendo levado aos palcos em 1967. No número Suppertime, Snoopy lamenta em exagero sua fome, até Charlie Brown trazer o seu jantar.



Gostam de se sentir seguros. Têm bom coração e são muito carinhosos. Possuem sempre muito gosto pela vida, e procuram tanto o bem estar material quanto o espiritual. Interessam-se por música clássica ou romântica.


A Pequena Loja de Horrores (Little Shop of Horrors) foi o musical que trouxe fama para a dupla Alan Menken e Howard Ashman, que depois ficariam responsáveis pelas canções dos novos desenhos da Disney. O musical é uma adaptação do filme de terror B homônimo de Roger Corman dos anos 60 (curiosidade: foi a estreia de Jack Nicholson nas telas do cinema), sobre Audrey II, uma planta carnívora extraterrestre de uma floricultura decadente que se alimenta de carne e sangue.


"Feed Me (Git It)"
Little Shop of Horrors
(Menken/Ashman)


"Alimente-me, Seymour
Alimente-me a noite inteira
Pois se você me alimentar, Seymour
Eu posso ficar grande e forte"


As pessoas de Touro são, em geral, amantes de beleza, do conforto, de tudo o que dê prazer, e do romantismo, em especial. Também não gostam de coisas sintéticas ou falsas e não suportam ficar muito tempo em casa. Normalmente, programas culturais de boa qualidade e projetos urbanos bem elaborados costumam atraí-los. Gostam de conforto e luxo.




"Big Blonde and Beautiful"
Hairspray 
(Shaiman/Wittman)

"Traz aquela torta de nozes
Polvilhe açúcar nela
Não seja tímido
Me dá uma colherada
Desse mesclado de chocolate
Não seja mesquinho
Eu sou uma menina em crescimento”
Hairspray é um famoso filme dos anos 80 do controverso diretor John Waters, sobre uma menina gorda de Baltimore que quer ser dançarina de um programa musical de TV nos anos 60. Adaptado para os palcos, ganhou canções originais de Marc Shaiman e Scott Wittman e foi sucesso de público e crítica. O enredo enfoca também o movimento negro de direitos civis nos anos 60, a discriminação social de negros e gordos, além de falar abertamente sobre aceitação do corpo.



Ciumento, zeloso e possessivo, um taurino pode tender a ser inflexível e ressentido. As vezes podem ser cobiçosos e se permitirem tudo.


Um dos contos de fada mais famosos , Cinderella dispensa apresentações. A história tem incontáveis versões distintas, como as de Perrault, dos irmãos Grimm e até mesmo de Rodgers e Hammerstein, que inicialmente foi um especial de TV com Julie Andrews em 1957, e desde então já foi montado nos palcos diversas vezes, inclusive na Broadway em 2013. Durante o baile no castelo, as duas irmãs de Cinderella, sem reconhecê-la, vêm o príncipe dançando com uma bela e pequena jovem, e lamentam copiosamente.


"Stepsisters’ Lament"
Cinderella
(Rodgers & Hammerstein)


"Por que um sujeito iria querer
Uma menina como ela?
Uma beleza frágil e suave
Por que um sujeito não pode
Uma vez preferir
Uma menina sólida como eu?"



São muito esforçados, e sua teimosia faz com que cheguem às últimas conseqüências. Além de teimosos, podem ser também auto-indulgentes, ciumentos, possessivos e materialistas. Não gostam de interrupções e pressas, nem de se sentir pressionados.





"And I Am Telling You I’m Not Going"
Dreamgirls 
(Krieger/Eyen)

"Estou te dizendo que eu não irei
Você é o melhor homem que eu conheço
Não há forma que eu possa partir
Não, não, não há nenhuma maneira
De jeito nenhum eu vou viver sem você
Não vou viver sem você
Eu não quero ser livre
Eu vou ficar
E você
Você vai me amar"

Os anos 60 foram frutíferos para a gravadora Motown e seus artistas. As histórias por trás de artistas como Diana Ross, The Supremes e James Brown inspiraram Tom Eyen e Henry Krieger a criarem Dreamgirls, o musical que estreou na Broadway em 1981 e fez de Jennifer Holiday uma estrela. Em 2006 o musical foi levado para o cinema por Bill Condon, que escreveu o roteiro de Chicago, com Beyoncé, Eddie Murphy e marcando a estreia nas telas de Jennifer Hudson, que venceria o Oscar de coadjuvante. Em And I Am Telling You I’m Not Going, Effie descobre que Curtis, empresário de seu grupo musical, está cortando com ela os laços profissionais e pessoais também.




São conservadores, pacientes, leais e dignos de confiança. Sua paciência e determinação acabam sendo de grande ajuda nos negócios. São práticos, econômicos, e seu objetivo é adquirir patrimônio.

Uma qualidade: Estabilidade.
Um defeito: Preguiça.


Frases e Ditados



Queria ser menos ciumento e controlador.

Água mole em pedra dura tanto bate até que fura.



Adaptação da peça Pigmaleão de George Bernard Shaw, My Fair Lady é uma das obras mais veneradas do teatro musical. Conta a história de Eliza Doolitle, uma florista caipira que passa a ser refinada por um foneticista para se passar por uma dama da sociedade em um baile real. O musical estreou na Broadway em 1956, com Julie Andrews e Rex Harrison. Em 1964 foi lançada sua versão para o cinema dirigida por George Cuckor, com Audrey Hepburn (dublada nas canções por Marni Nixon) e Rex Harrison nos papéis principais, que ganhou 8 Oscars, incluindo melhor filme, diretor e ator. Em I Could Have Danced All Night, Eliza expressa sua satisfação por finalmente conseguir atingir o objetivo depois de se dedicar longa e arduamente.



"I Could Have Danced All Night"
My Fair Lady
(Lerner/Loewe)


"Eu poderia ter dançado a noite toda
Eu poderia ter dançado a noite toda
E ainda pediria mais
Eu poderia ter aberto minhas asas
E feito mil coisas
Que eu nunca fiz antes"


Eu tenho o teu coração e te entrego o meu para juntos vivermos a mais linda história de amor.


“O coração dá vida a tudo que ama.”
—Anatole France





"(I've had) The Time if My Life"
Dirty Dancin'
(DeNicola/Markowitz/Previte)

"Você é a única coisa
Da qual eu nunca me canso
Então vou te dizer uma coisa
Isso pode ser amor porque
Eu tive o tempo da minha vida
Não, nunca me senti assim antes
Sim, eu juro que é a verdade
E eu devo tudo a você”

Dirty Dancing foi mais um dos diversos filmes musicais de sucesso dos anos 80 que seguiu a fórmula que iniciou com Os Embalos de Sábado à Noite, em que canções de artistas famosos embalam o enredo do filme, mas as personagens em si não cantam para se expressar como nos musicais tradicionais. A história é sobre uma menina rica que se apaixona pelo professor de dança de sua colônia de férias, enquanto eles se preparam para uma competição de dança. O filme transformou Patrick Swayze em astro, e ganhou um Oscar de canção original para (I’ve Had) The Time of My Life, que ficou nos topos das paradas de sucesso de 1987, assim como a própria trilha sonora, que incluía hits dos anos 60 e novas canções, como She's Like The Wind.



Mais vale um pássaro na mão do que dois voando.

“O que não te mata te fortalece.”
—Friedrich Nietzsche



George e Ira Gershwin compuseram Summertime para a ópera Porgy and Bess de 1935, com letra de DuBose Heyward, autor do livro que inspirou a obra. É uma canção de ninar cantada algumas vezes durante a peça. Considerada por muitos, incluindo Sondheim, a maior canção do teatro musical americano, Summertime se tornou um standard do jazz, sendo gravada por milhares de artistas, como Billie Holliday, Ella Fitzgerald, Sam Cooke e Janis Joplin. Porgy and Bess foi o primeiro espetáculo composto por um elenco de apenas artistas negros. Sofreu resistência do público em geral pelos pesados temas sobre drogas, miséria e violência, incluindo parte da comunidade negra que se sentiu esterotipada.



"Summertime"
Porgy and Bess
(Gershwin/Heyward)


"É verão
E a vida é fácil
Os peixes estão pulando
E o algodão está alto
O seu pai é rico
E sua mãe é bonita
Então, quietinho, bebê
Não chore"


Fontes:
playbill.com | personare.com | euroresidentes.com | meuastrolabio.blogspot.com | wikipedia.org 
vidaeestilo.terra.com.br | vagalume.com.br | wattpad.com | altoastral.com.br | wemystic.com.br 
baudalola.com | perguntascretinas.com.br | thoughtcatalog.com | thezodiaccity.com





VITOR FERREIRA é ator com mestrado em "Motion Pictures and Television" pela Academy of Art University, em São Francisco/CA e designer gráfico formado pela UFPE. Vive atualmente em São Paulo.

Currículo e vídeo book: http://vffvitor.wixsite.com/ator
Portfólio de design: http://vffvitor.wixsite.com/portfolio

Nenhum comentário:

Postar um comentário