sexta-feira, 13 de março de 2009

Seção CANARINHOS // American Idol 8 - Top 13

Para entender as alcunhas (os apelidos!!!), clique aqui.

Semana Michael Jackson


O tema da semana foi sobre o ser encontrado em Roswell. Ele sumiu, e ninguém notou, mas ele foi parar nas paradas de sucesso. Era negro, virou branco, até o nariz diminuiu, virou mãe, e agora está voltando a sua forma inicial. Essa semana American Idol presta sua homenagem... Não só ao Michael quanto aos anos 80 em si.

Por ordem de apresentação:


Nota: 5,0
Lil cantou “The Way You Make Me Feel” e parecia aquelas senhoras espalhafatosas de meia idade imitando Beyoncé em festa de família. Pelo menos dava pra notar que a voz dela é boa. Simon reclamou da roupa medonha. Eu não diria que só a roupa foi medonha...

Nota: 8,5
Jon cantou “Keep the Faith” tocou piano junto, música que nunca ouvi na vida. E apesar da foto parecer que ele estava olhando para câmera, foi só um golpe de sorte... Gostei da performance na hora, mas não tenho vontade de ouvir de novo.

Nota: 0
Nem sei o que Dick Vigarista cantou, e nem me importa. Pulei a parte dele. Tenho asco só de ver a cara... Ou ouvir a voz. Nota zero só de ir pro ar.

Nota: 2,0
Coisa mais linda ursinho puff fazendo caretinha! E ainda cantou “You Are Not Alone”. Péssimo. Só serve pra ficar enfeitando estante em quarto de criança mesmo…

Nota: 3,0
Só um doente mental não adivinharia que essa criança ia cantar “I’ll Be There”. Foi muito pior que Mariah e Michael, mas foi melhor que a Sandy.

Nota: 9,0
High School Kris cantou “Remember The Time”. Como ele tocou violão, nem pareceu muito Backstreet Boys. De longe, lembrou um pouco John Mayer logo no começo da carreira. Ele ainda disse que era casado. Tomara que não espante os votos das adolescentes.

Nota: 5,0
Animal cortou o cabelo e tá parecendo Greta, a Gremlin fêmea. Ela cantou qualquer coisa aí. Ficou entre Paulina Rubio, Shakira e Gloria Trevi. Ou seja, não gostei.

Nota: 0
Slumdog assassinou “Beat It” vestido de Sherlock Holmes. Parecia aqueles nerds de filme de comédia imitando roqueiro. Vergonha alheia total.

Nota: 0
Smurfette matou “Never Can Say Goodbye”. Devia ter cantado a versão dos The Communards e soltado a franga. Teria feito sucesso.

Nota: 9,5
Legalmente Megan cantou a música dos passarinhos “Rockin’ Robin”. Todo mundo odiou. Menos eu. Eu achei ela o máximo. Os vocais não eram perfeitos, mas o conjunto funciona. A dancinha feia, a melodia retrô, a voz ríspida, é tudo uma versão um pouco mais comercial da Amy. Queria muito ver ela cantando Valerie. Só dispenso o perucão.

Nota: 10
“Black or White” é minha música preferida do Michael. Cher foi tão (ou mais) afetado quanto Michael, e sem dúvida foi o melhor de todos. Paula teve um orgasmo, Simon sorriu, Randy concordou e Kara ficou sem ter mais o que dizer. Ainda bem...

Nota: 5,0
Charlie Brown cantou “Human Nature”. Se já não bastasse ser tão feio e fanho quanto, ele imitou Justin Timberlake direitinho. Como eu não gosto dele(s), achei bem sem graça. As caras e bocas, a voz fanha, o excesso de miado (falsete) e as todas as firulas dele(s).

Nota: 5,0
Dolly resolver virar sensual. Coitada... Ficou parecendo vedete que imita Liza Minelli ou Velma Kelly. Ou seja, Roxy Hart. Só que não chegou nem aos pés da Renée. Cantou “Dirty Diana”. Momento“Jem e as Hologramas”.

Eliminação:

Já que é um top 13, eles eliminaram dois essa semana, e esse ano os jurados podem vetar algum concorrente de sair se eles acharem injutso. Porém uma única vez na temporada, e só até o top 5. Ou seja, Cher, Lil e Dick Vigarista estarão no top 5 com certeza.

Primeiro o top 13 cantou um playback nojento (pior que os da Britney – que eu adoro) das músicas do Jackson 5. Antes da primeira eliminação, Kanye West cantou. Não agüentei 15 segundo e pulei. Pra variar, Seacrest fez duplinhas e uma pessoa era eliminada e a outra permanecia na competição. A primeira foi Legalmente Megan e Márcia Porco Espinho. Megan ficou e a outra chorou. Ela foi mal, mas teve uns 4 piores que ela...

Depois Kelly Clarkson cantou "My Life Would Suck Without You". Eu gosto da música, mas só combina em versão de estúdio, tipo boate. Ao vivo ficou esquisita. A outra duplinha foi Slumdog e Smurfette. Por mim eliminavam os dois por excesso de contigente defeituoso, mas Smurfette foi o menos votado e Slumdog vai nos promover mais um momento embaraçoso semana que vem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário